Rússia testa tripulação de mulheres para missão à Lua

0

Seis russas ficarão oito dias confinadas fazendo experimentos científicos

 

Uma equipe de mulheres russas que estão treinando para uma possível futura viagem à Lua em 2029 foi confinada por oito dias. O objetivo do programa Moon-2015 é verificar se elas conseguem “sobreviver” à experiência. Para isto, o grupo foi trancado numa réplica de espaçonave no Instituto de Problemas Biomédicos. Elas ficarão no simulador até quinta-feira desta semana.

Mas antes de começar o teste, que imita uma viagem de ida e volta à Lua e durante o qual elas terão que participar de 30 experimentos científicos, as aspirantes a cosmonautas participaram de uma coletiva de imprensa durante a qual foram bombardeadas com perguntas previsíveis sobre futilidades como penteados e maquiagem, segundo o jornal britânico “The Independent”.

— Somos lindas sem maquiagem — disse Darya Komissarova ao ser perguntada sobre como elas “suportariam” ficar oito dias sem homens e maquiagem.

Outra participante, Anna Kussmaul, afirmou que com os experimentos sendo conduzidos nos campos da Psicologia e Biologia Humana, elas não “teriam tempo para pensar em homens”.

— Eu não sei como vamos sobreviver sem xampu, porque até nessa situação, nós queremos ficar bonitas — completou Anna.

A Rússia tem tradição na formação de cosmonautas do sexo feminino. Foi a União Soviética que enviou a primeira mulher ao espaço. Em 1963, dois anos após o hitórico voo de Yuri Gagarin, Valentina Tereshkova passou quase três dias orbitando o planeta.

Sergie Ponomarev, diretor-científico do projeto Moon-2015, afirma que será “interessante ver como elas se comportam e executam as tarefas”.

— Nós acresitamos que as mulheres não apenas não serão piores que os homens em algumas tarefas no espaço, como serão melhores — disse Ponomarev.

Também nesta semana, a Rússia anunciou o plano de enviar uma missão tripulada para a Lua em 2029. A espaçonave já está sendo construída em Moscou e, antes de viajar até o satélite, fará um voo inaugural em 2021 e se acoplará à Estação Espacial Internacional em 2023.

De O Globo

Leave A Reply

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com