Por conta do abandono, residência oficial do governador começa a se deteriorar

0

Considerada um dos prédios públicos mais antigos de Macapá, a residência oficial do governador está abandonada. Foi o que denunciou o jornalista João Silva em sua página no Facebook, onde postou que boa parte das estruturas instaladas para a realização de eventos nos jardins do imóvel está caindo aos pedaços. O governo não se pronunciou sobre o assunto.

 

Desde que o governador Waldez Góes (PDT) decidiu morar na sua própria casa, com custos bancados pelo Governo do Estado, a residência oficial não está sendo usada como moradia do chefe do Executivo estadual.

A casa do governador do Amapá fica localizada em uma área nobre do bairro Cabralzinho, em Macapá. De acordo com o decreto, estão sendo custeadas pelo governo despesas ordinárias “para manutenção do imóvel”. Elas incluem conta de luz, água, telefone, funcionários e alimentação. O custo máximo fixado pelo governo é de R$ 20 mil mensais para manutenção de cada residência.

História

A mudança representou um marco histórico. É a primeira vez que um governador deixa de morar na residência oficial desde 1944, quando Janary Nunes tomou posse como primeiro chefe do Executivo amapaense.

Leave A Reply

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com