Waldez bloqueia pagamentos do Estado, depois processa Camilo Capiberibe e ex-secretários

0

A assessoria jurídica do ex-governador Camilo Capiberibe (PSB) informou através de nota que está recorrendo da decisão da Justiça que pediu o bloqueio de seus bens. Informou, também, que não houve o pagamento da parcela do pagamento do empréstimo da CEA em função de um bloqueio judicial nas contas do Estado feito, à época, pelo então governador eleito Waldez Góes (PDT).

 

Na defesa, o advogado Antônio Kleber disse que, em virtude das dificuldades orçamentárias do período de pagamento que estava previsto para ocorrer no dia 15 de dezembro de 2014, foi realizada junto à Caixa Econômica Federal uma reprogramação da data de vencimento para o dia 30.

Contudo, o então governador eleito Waldez Góes conseguiu na Justiça uma decisão para que todos os pagamentos previstos para ocorrer daquela data em diante fossem suspensos até que ele assumisse o cargo.

“Documentos juntados pelo Estado do Amapá, resta claro e cristalino que o não pagamento na parcela do contrato no dia determinado, bem como a incidência de juros quando da quitação, não pode ser imputada a Camilo e aos ex-secretários”, esclareceu o advogado.

Leave A Reply