Se liga, mana: maquiagem vencida pode causar várias doenças

0

Você sabia que usar batom vencido pode causar candidíase e que produtos para pele – como base, corretivo, BB Cream (produto multifuncional que reúne efeitos cosméticos e de base), primer (usado para preparar a pele antes da maquiagem) e demaquilante – fora do prazo de validade dão impingem (infecção bacteriana que atinge as camadas superficiais da pele) e herpes? E que máscara de cílios deve ser usada somente até três meses depois de aberta? Quem orienta sobre esses cuidados é a dermatologista Natália Cymrot, que também dá dicas, a seguir, sobre como identificar produtos de maquiagem vencidos.

 

“A maioria dos cosméticos tem validade de seis meses a dois anos. Depois desse período seus componentes, como corantes, conservantes, substâncias emolientes e fator de proteção solar, perdem o poder de ação. O prazo de validade significa que, dentro daquele período, a empresa fabricante se responsabiliza pelo produto”, alerta Natália. De acordo com a especialista, quando vencido, o batom, por exemplo, muda de textura, fica com gosto diferente e cheiro ruim.

“A cor também pode ficar levemente alterada. Já no gloss pode haver alteração no cheiro [já que geralmente são perfumados], na cor, na consistência e chegam a formar grumos [pequenos grãos]. Se o produto estiver vencido também pode causar dermatite de contato (irritação na pele causada pelo contato com determinadas substâncias), ressecar os lábios, além de transmitir doenças como candidíase (causada por um fungo), e herpes labial, se utilizado por alguém contaminado”, alerta a dermatologista.

Além de produtos para maquiar, os que são anti-idade e que têm protetor solar também requerem atenção. “Qualquer cosmético deve ser descartado assim que estiver com a validade vencida. Cuidado especial com os protetores solares, pois estes perdem a ação e podem causar a falsa sensação de proteção, levando a queimaduras de sol”, alerta a dermatologista Natália Cymrot. A armazenagem desses itens faz grande diferença na conservação.

“Deve ser feita em locais protegidos da luz para evitar a oxidação de alguns componentes. Além disso, mantenha os itens em lugares secos, frescos e sem umidade para evitar a contaminação por fungos. De preferência, longe do banheiro. A umidade propicia um meio de cultura favorável a bactérias e fungos, que degradam os produtos e prejudicam a pele. Mas, se for inevitável guardá-las nesse espaço [banheiro], coloque as maquiagens em caixas vedadas. Alguns cremes faciais devem, preferencialmente, ser armazenados na geladeira”, explica a dermatologista.

BATOM MUDA TEXTURA E LÁPIS DE LÁBIOS PERDE PIGMENTAÇÃO

Duração dos produtos: em média 1 ano e meio depois de aberto.Como identificar se está vencido: “O batom muda de textura – pode endurecer ou amolecer demais -, fica com gosto diferente e cheiro ruim. A cor também pode ficar levemente alterada. Já no gloss pode haver alteração no cheiro [já que, geralmente, são perfumados], na cor, na consistência e podem formar grumos [pequenos grãos]. Se isto ocorrer, não devem ser utilizados”, explica a dermatologista Natália Cymrot.

Já os lápis de contorno labial, segundo ela, ficam bem secos, difíceis de serem usados e perdem o poder de pigmentação.

PRODUTOS PARA OS LÁBIOS, SE VENCIDOS, PODEM CAUSAR ATÉ CANDIDÍASE

De acordo com a dermatologista, esses itens vencidos podem causar “dermatite de contato*, ressecar os lábios, além de transmitir doenças como candidíase, causada por um fungo, e herpes labial, se utilizado antes por alguém contaminado”.*Dermatite de contato: irritação na pele causada pelo contato com determinadas substâncias.

SOMBRAS, PÓ COMPACTO E BLUSH CRAQUELAM E ALTERAM A COR

Duração do produto: 2 anos e meio em média.Como identificar se está vencido: “Eles podem craquelar, perder o aroma, sofrer alteração de cor, mas não é uma regra. O truque é anotar a validade em um pedacinho de papel e grudar na base do produto, caso você não queira guardar a caixa”, ensina a dermatologista Natália Cymrot.

PRODUTOS PARA OS OLHOS FORA DA VALIDADE CAUSAM ALERGIA

A especialista Natália Cymrot lembra que produtos como sombras e pó compacto podem causar alergia nas pálpebras se estiverem vencidos.“Além disso, aquelas maletas repletas de maquiagem em nada altera o prazo de validade habitual de cada uma delas. É preciso ficar atenta”, afirma a dermatologista.

FIQUE DE OLHO: DELINEADOR E LÁPIS RESSECAM

Duração do produto: delineadores, normalmente, duram um ano. “Mas os que têm formato de ‘caneta’ costumam acabar ou secar antes de vencer”, ressalta a dermatologista.Lápis de olho pode ser usado dentro de um ano e meio, em média, destaca Natália.Como identificar se está vencido: “O delineador resseca e fica difícil de aplicar. O lápis também, além de perder o poder de pigmentação”, diz ele.

DELINEADOR E LÁPIS DE OLHO FORA DA VALIDADE CAUSAM DERMATITE

A principal consequência de usar delineador e lápis vencidos é que “causam dermatite de contato nas pálpebras”, ressalta.

MÁSCARA PARA CÍLIOS DURA TRÊS MESES

Duração do produto: “Depois de aberta, a máscara tem validade de três meses, em média”, alerta a dermatologista.Como identificar se está vencido: resseca e fica em grumos [pequenos grãos].

IRRITAÇÃO E CONJUNTIVITE SÃO CAUSADAS POR MÁSCARA PARA CÍLIOS VENCIDA

O produto usado com validade vencida também pode causar “dermatite de contato nas pálpebras e irritação nos olhos”, segundo a especialista.“E em casos mais graves, podem levar a uma conjuntivite”, alerta Natália.

PELE: ATENÇÃO COM MUDANÇA DE COR E CHEIRO DESSES PRODUTOS

Duração do produto: “Base, corretivo, BB Cream (produto multifuncional que reúne efeitos cosméticos e tem efeito de base), primer (usado para preparar a pele antes da maquiagem) e demaquilante duram entre seis meses e dois anos”, orienta Natália.Como identificar se está vencido: “No caso do demaquilante, o produto fica com as fases [água e óleo] separadas e muda de cor – fica mais amarelado – e de cheiro. Os produtos mais líquidos também podem formar pequenos grânulos. E atenção redobrada aos que têm fator de proteção solar, que é completamente perdido após o vencimento”, destaca a dermatologista.

IMPINGEM E HERPES SÃO CAUSADOS POR PRODUTOS USADOS NA PELE

Como consequência, esses produtos [base, corretivo, BB Cream, primer e demaquilante], se aplicados na pele depois de vencidos, podem causar “alergia na face, alterar a textura, causar acne e até infecções, como herpes e impetigo [conhecido popularmente como impingem, infecção bacteriana que atinge as camadas superficiais da pele]”, explica a dermatologista.

PRODUTOS ANTI-IDADE E PROTETOR SOLAR TAMBÉM EXIGEM ATENÇÃO

Qualquer produto cosmético, incluindo o anti-idade, deve ser descartado assim que tiver com a validade vencida.“Cuidado especial com os protetores solares, pois estes perdem a sua ação e podem causar a falsa sensação de proteção, levando a queimaduras de sol”, alerta a dermatologista Natália Cymrot.

As informações são do site Tempo de Mulher

Leave A Reply

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com