Waldez não avança nas negociações com servidores e salários vão continuar parcelados e sem previsão do décimo terceiro

0

Além de não apresentar cortes na contratação de cargos comissionados e contratos administrativos, o governador Waldez Góes (PDT) reuniu nesta sexta-feira, 27, com representantes dos sindicatos de servidores e manteve a proposta para continuar o parcelamento de salários.

 

Pela proposta, o Governo do Estado fará o pagamento dos servidores efetivos este mês da seguinte forma: 70% até o dia 30 e 30% no dia 10/06; pagamento de 1/3 de férias; os pagamentos da 1ª parcela do décimo terceiro ainda não estão garantidos, mas que dará posição oficial em uma reunião já agendada para o dia 29 de junho.

“Haverá reunião entre governo, Secretaria de Saúde e sindicatos para debater questões inerentes à GAS dos servidores do Samu, CVS, Cerest, CRDT e demais, com data ainda a confirmar”, informou Ismael Rodrigues, presidente do Sindicato dos Servidores da Saúde do Amapá (Sindsaúde).

Leave A Reply

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com