Trabalho da deputada Janete em prol das parteiras tradicionais chama a atenção de pesquisadoras do Sul

0

O trabalho realizado com as parteiras tradicionais da deputada federal Janete Capiberibe (PSB/AP) chamou a atenção das acadêmicas do curso de jornalismo da Universidade Federal de Santa Catarina, Cintia Ramlov e Vitória Greve. As estudantes estiveram na manhã desta quinta-feira, 27, em Macapá, gravando documentário com a parlamentar sobre o assunto.

 

O registro faz parte do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) das acadêmicas, que estão no Amapá há três semanas e já estiveram no arquipélago do Bailique, Curiaú, Macapá e Santana. “Quando pesquisamos sobre a atuação de políticos em prol das parteiras tradicionais, o nome que encontramos é da deputada Janete. Por isso, viemos aqui saber como se deu e se dá essa relação”, explica Cintia Ramlov.

Um dos assuntos pesquisados foi o projeto “Parteiras Tradicionais do Amapá”, que iniciou na gestão do então governador João Capiberibe (PSB/AP), consistia na capacitação, entrega de kits e remuneração para as parteiras.

“O nosso governo ajudava a dar luz as parteiras. Esta ação ganhou visibilidade por destacar o saber tradicional e a prática desenvolvida pelas mulheres ribeirinhas, indígenas e quilombolas da Amazônia e teve, inclusive, o reconhecimento do Unicef”, lembrou a deputada.

A deputada Janete disse ainda, que o trabalho em prol das parteiras continua. Na Câmara, a parlamentar socialista apresentou um projeto de lei que reconhece do saber das parteiras tradicionais, incluindo-as no sistema público de saúde e permitindo a remuneração pelo trabalho que prestam.

Leave A Reply

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com