Empreguismo: folha de pessoal no Governo Waldez cresce em 2016 cerca de R$ 260 milhões comparado com 2014

0

“Estes dados oficiais demonstram um crescimento efetivo dos recursos que entram na conta do governo a disposição do governador Waldez. No entanto, o que vemos é uma situação de descontrole total”

Macapá – 25/01/17 – De acordo com dados do Portal da Transparência do Governo do Amapá, a folha de pagamento de pessoal na gestão do governador Waldez Góes (PDT) saltou em 2016 para R$ 171.223.006,51. No mesmo período de 2014, o custo era de R$ R$ 151.399.734,20. Ou seja, os gastos saltaram mais de R$ 20 milhões por mês. No ano foram mais de R$ 260 milhões.

Os dados do Portal confirmam o inchaço da folha de pagamento durante o governo Waldez. Com uma rápida consulta podemos verificar que os valores das folhas de outubro de 2014 somam R$ 151 milhões/mês. No mesmo mês, mas em 2016, a folha saltou para 171 milhões/mês, um crescimento de 20 milhões/mês. Confira abaixo:

portal

 

portal 2016

De acordo com dados divulgados em artigo pelo ex-secretário de planejamento do Estado, Juliano Del Castilo, as transferências de recursos federais em 2016 foram 14% maiores que 2015 e 19% maiores que 2014, o que representa efetivamente mais dinheiro nos cofres estaduais: R$ 363 milhões a mais em 2015 e R$ 463 milhões a mais em 2016, se comparado com os recursos federais que o Amapá recebeu em 2014. E mesmo a receita própria cresceu 6,3% este ano se comparado com 2015 – cerca de R$ 57 milhões de recursos a mais entraram nos cofres do estado.

“Estes dados oficiais demonstram um crescimento efetivo dos recursos que entram na conta do governo a disposição do governador Waldez. No entanto, o que vemos é uma situação de descontrole total com parcelamento dos salários dos servidores públicos, demissão em massa de vigilantes e exclusão de mais de 15 mil mães do programa social renda para viver melhor, atraso no pagamento de fornecedores e obras paralisadas ou se arrastando por falta de pagamento”, ressaltou.

Del Castilo diz que o inchaço da folha de pagamento pode ser a explicação para o descontrole financeiro do Governo do Amapá. “Como explicar tamanho descompasso? O crescimento acelerado da folha de pagamento do estado é uma das razões para isso: um inchaço na ordem de cerca de R$ 260 milhões/ano se comparada com 2014. É bom ressaltar que esse aumento não se deu por reajuste no salário-base dos 30 mil servidores que já amargam perdas inflacionárias de 23,37% na atual gestão, esse crescimento atende apenas as necessidades de governabilidade de Waldez”, finaliza.

Leave A Reply

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com