} })(); window._fbq = window._fbq || []; window._fbq.push(['track', '6029630809151', {'value':'0.00','currency':'BRL'}]);

Em debate com acadêmicos de direito, senador Capiberibe defende o fim do foro privilegiado

0

O senador João Capiberibe (PSB), participou na sexta-feira, 26, no auditório do Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE/AP), do Primeiro Debate Acadêmico da Faculdade Fama, que teve como tema: Foro Privilegiado. O evento foi promovido pelos acadêmicos do 10º semestre do Curso de Direito da Faculdade de Macapá (FAMA).

 

Capiberibe, que é contra o foro privilegiado, durante a sua fala explicou que esse é um mecanismo criado pelas elites governantes brasileiras para autoproteção. “Os homens brancos e bem nutridos foram os que organizaram a estrutura de poder no Brasil. Se estabeleceu vários privilégios para proteger as elites e o Foro Privilegiado é um deles”, afirmou o senador.

Como argumentação, o senador socialista informou que existiriam, neste momento, mais de 20 mil autoridades políticas do País usufruindo dessa condição de excepcionalidade e, por esse motivo, sendo julgados por um tribunal diferente ao de primeira instância, em que é julgada a maioria dos brasileiros que cometem crimes. Esse fato que estaria congestionando a corte suprema brasileira e alongando o tempo de duração dos processos, o que beneficiaria os réus.

Também participaram do debate o senador Randolfe Rodrigues (REDE) e o advogado Maurício Pereira, ambos também se posicionaram contrários ao foro privilegiado.

Leave A Reply