Emendas do senador Capiberibe no valor de R$ 8,4 milhões são liberadas e vão beneficiar seis municípios

0

O montante de R$ 8.429.435,00 em emendas do senador João Capiberibe (PSB), relativas ao ano de 2016, foram liberadas pelo Orçamento Geral das União (OGU), para os mais diversos setores, que além de benefícios à comunidade vão gerar emprego e renda.

 

Na área de educação foram liberados R$ 665.580,00 para concluir as obras dos blocos B e C da Universidade Federal do Amapá (Unifap), campus Oiapoque. Já para o campus Marco Zero, que fica em Macapá, foram garantidos R$ 121.979,00 destinados à compra de equipamentos para a realização de videoconferência. Para o Instituto Federal do Amapá (Ifap) foram R$ 923.

Para o fortalecimento do Programa de Atenção Básica para as unidades básicas de saúde foram garantidos recursos para os seguintes municípios: Macapá (R$ 3.226.722,00); Serra do Navio (R$ 150 mil); Cutias (R$ 200 mil); Porto Grande (R$ 400 mil); Santana (R$ 400 mil); e Tartatugalzinho (R$ 200 mil), além de R$ 400 mil para o Hospital Sarah, bem como R$ 1,3 milhão para aquisição de remédios para o Hospital de Barretos, que atende pacientes com câncer do Amapá.

Ainda foram pagos R$ 300 mil ao Ministério Público Estadual para a modernização do parque tecnológico e aquisição de computadores e R$ 100 mil para o Tribunal Regional do Trabalho 8ª Região.

O senador Capiberibe comemorou a liberação dos recursos e disse que serão acompanhados por meio da Gestão Compartilhada, que é uma metodologia de acompanhamento dos gastos públicos que permite a qualquer cidadão, com base nas informações dos portais de transparência, seguir o caminho percorrido pelo dinheiro dos impostos, até que ele se transforme em obra ou em serviço público.

“Queremos que o cidadão acompanhe e fiscalize cada centavo que é gasto do seu dinheiro. Só assim vamos garantir a aplicação correta do recurso público, garantindo que ele chegue a quem realmente precisa”, destacou o senador.

Leave A Reply

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com