Sem construir nenhuma creche em cinco anos de gestão, Clécio faz nova promessa e diz que vai entregar seis até 2018

0

Durante a campanha de 2012, o prefeito de Macapá Clécio Luís (REDE) disse que iria construir dez creches. No entanto, já se passaram cinco anos de gestão e nenhuma creche foi entregue à população. Na manhã desta segunda-feira, 13, a administração municipal anunciou que até 2018 serão construídas seis creches e nove escolas.

 

Entre as creches anunciadas, 3 serão retomadas de construções que já tinham sido iniciadas pela prefeitura, mas que estão paralisadas. Uma delas é a creche Tia Chiquinha, no bairro Novo Buritizal, na Zona Sul de Macapá, que está paralisada desde o início do ano. A obra iniciou em março de 2015 com orçamento de R$ 1.835.374.

“Os recursos foram garantidos pelo FNDE. A prefeitura iniciou a construção de creches, mas foram paralisadas devido a problemas com a empresa que venceu a licitação, em todo o Brasil. Agora conseguimos novamente o recurso e daremos andamento das obras”, destacou o secretário municipal de Educação, Moisés Pereira em entrevista ao portal G1.

Creches abandonadas

A última pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelou que existem mais de 50 mil crianças necessitando de creche em Macapá. No entanto, há mais de dois anos, existem duas creches na Zona Norte da Capital, totalmente prontas, e o prefeito Clécio Luís (Rede) ainda não as incorporou ao patrimônio do município e, assim, poder abrir novas vagas.

As duas creches foram construídas na gestão do ex-governador Camilo Capiberibe (PSB), em 2014, e a Prefeitura deveria assumir as suas administrações em janeiro de 2015. Uma, localiza-se no bairro Novo Horizonte e a outa, no Renascer. A do Novo Horizonte sofreu a ação de ladrões que de lá roubaram portas e janelas, tendo o Governo que fazer uma reforma.

O prefeito Clécio justifica-se dizendo que não tem recursos para equipar e manter as creches funcionando. “Enquanto ficam nesse jogo de empurra, não temos onde deixarmos as nossas crianças”, lamenta a comerciária, Cláudia Moura.

Leave A Reply

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com