Professores da prefeitura de Macapá iniciam paralisação e protestam contra o prefeito Clécio e o secretário Moisés Rivaldo

0

Na manhã desta segunda-feira, 27, os professores da rede municipal de ensino da prefeitura de Macapá iniciaram paralisação em protesto a medidas anunciadas pela gestão do prefeito Clécio Luís (REDE) que pode modificar o Plano de Carreiros e Salários da categoria.

 

O presidente da Executiva Municipal do Sindicato dos Servidores Públicos em Educação do Amapá (Sinsepeap), Iaci Ramalho, disse que a paralisação é em protesto contra o que chamou de “reforma trabalhista”, que está sendo proposta pelo secretário de Educação de Macapá (Semed), Promotor Moisés. Segundo Ramalho, embora a proposta atenda a exigência do Ministério Público Estadual (MPE) de realização de concurso público, da forma que foi formatada ela é prejudicial para a categoria.

Não somos contra a realização do concurso público, mas queremos mostrar nossa posição contrária à proposta do secretário, que a categoria possa analisar conjuntamente no Sinsepeap essas mudanças propostas pelo Promotor Moisés, como condicionantes na realização de concurso público. E ainda podermos protestar contra a fala do secretário de que se a legislação não for mudada o município não vai ter como suportar as despesas com a folha de pagamento, já que, no entendimento dele, que é equivocado, os servidores da Educação já entram nos quadros da prefeitura ‘ganhando como coronéis’, o que não é verdade”, ressaltou.

A paralisação é por tempo determinado, e vai até o dia 30 deste mês.

Leave A Reply

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com